Canvas - Desenhando retângulos

Aprenda a desenhar retângulos (strokeRect, fillRect, clearRect e rect) no elemento Canvas.

Existem 4 métodos para desenharmos um retângulo: strokeRect(), fillRect(), clearRect() e rect().

Todos os métodos esperam 2 argumentos, na verdade 4, que especificam um canto do retângulo, seguidos de sua largura e altura.

Veja a assinatura das funções abaixo.

strokeRect(x, y, width, height)
fillRect  (x, y, width, height)
clearRect (x, y, width, height)
rect      (x, y, width, height)

"Normalmente especificamos o canto superior esquerdo e, então, passamos um valor de largura e altura positivos, mas também podem ser negativos." (David Flanagan)

A imagem abaixo ajuda a entender melhor o esquema.

fig exemplo de canvas

O método strokeRect()

Desenha o contorno (mas não preenche o intrerior) de um retângulo com a posição e o tamanho especificados.

A cor e a largura da linha são especificados pela propriedades strokeStyle e lineWidth.

A aparência dos cantos do retângulo é especificada pela propriedade lineJoin.

fig exemplo de canvas

var canvas = document.getElementById('ex01');
var context = canvas.getContext('2d');
context.strokeStyle = 'red';
context.strokeRect(20,20,100,100);

O método fillRect()

Preenche o retângulo especificado com a cor, gradiente ou padrão definido pela propriedade fillStyle.

fig exemplo de canvas

var canvas = document.getElementById('ex02');
var context = canvas.getContext('2d');
context.fillStyle = 'red';
context.fillRect(20, 20, 100, 100);

O método clearRect()

Preenche o retângulo especificado com preto transparente.

fig exemplo de canvas

var canvas = document.getElementById('ex03');
var context = canvas.getContext('2d');
context.fillStyle = 'red';
context.fillRect(20, 20, 100, 100);
context.clearRect(40, 40, 60, 60);

O método rect()

Adiciona um retângulo no path (caminho). Esse retângulo é ele próprio um subcaminho (subpath) e não está conectado a outro subcaminho (subpath).

Quando este método retorna a posição atual é a coordenada (x, y) inicial.

fig exemplo de canvas

var canvas = document.getElementById('ex04');
var context = canvas.getContext('2d');
context.strokeStyle = 'red';

context.beginPath();
context.rect(20, 20, 100, 100);
context.stroke();

Abaixo vemos o mesmo exemplo acrescentado do método fill().

fig exemplo de canvas

var canvas = document.getElementById('ex05');
var context = canvas.getContext('2d');
context.strokeStyle = 'red';
context.fillStyle = 'red';

context.beginPath();
context.rect(20, 20, 100, 100);
context.stroke();
context.fill();

A diferença entre fillRect() e rect

Os métodos fillRect() e rect(), visualmente, parecem produzir o mesmo efeito.

Mas os resultados são diferentes.

O método fillRect() NÂO influencia no path (caminho).

O método rect() SIM, influencia no path (caminho).

Saiba que:

Não influencia o path:

Influencia o path:

Vamos para exemplos práticos.

Exemplo 01

fig exemplo de canvas

O método strokeRect não influencia o caminho (path). A prova é o canvas do exemplo 01.

Veja que os métodos lineTo e stroke não tiveram efeito algum, só vemos o retângulo no canvas.

var canvas = document.getElementById('ex06');
var context = canvas.getContext('2d');
context.strokeStyle = "blue";

context.strokeRect(60, 60, 30, 30);
context.lineTo(10,10);
context.stroke();

Exemplo 02

Agora se trocarmos o método strokeRect pelo método rect a linha surge como em um passe de mágica.

Mas não tem mágica não, explico. O método rect influencia no caminho (path). Repare que desenhamos o retângulo nas coordenadas (x=60, y=60). A mágica está aí, o pincel foi deslocado até a coordenada (x=60, y=60). É como se tivéssemos chamado o método moveTo(60, 60).

O método seguinte (lineTo(10,10)) cumpre seu papel corretamente, pois ele desenha-rá uma linha até a coordenada (x=10, y=10). E adivinha a coordenada de origem? Isso mesmo, (x=60, y=60).

fig exemplo de canvas

var canvas = document.getElementById('ex06-1');
var context = canvas.getContext('2d');
context.strokeStyle = "blue";

context.rect(60, 60, 30, 30);
context.lineTo(10,10);
context.stroke();

Exemplo 03

Ainda não caiu a ficha? Não tem problema temos mais este exemplo para clarear as coisas.

Ele é igual ao exemplo 01, mas ao adicionar-mos a função moveTo (veja sublinhado) ele se comporta exatamente como o exemplo 02.

fig exemplo de canvas

var canvas = document.getElementById('ex06-2');
var context = canvas.getContext('2d');
context.strokeStyle = "blue";

// mova o pincel até (60,60) e desenhe um retângulo
context.strokeRect(60, 60, 30, 30);
// mova, novamente, o pincel até (60,60)...
context.moveTo(60, 60);
// ... e desenha uma linha até (10,10)
context.lineTo(10,10);
// pinte o caminho
context.stroke();

Comentários

comments powered by Disqus