Instalando o x-debug no Linux

Como instalar x-debug no Linux.

O x-debug é uma ferramenta de depuração para a linguagem PHP.

Sem o x-debug, o resultado de var_dump($array) virá sem formatação, dificultando a depuração.

Com o x-debug, o resultado de var_dump($array) virá bem formatado, e será fácil depurar o programa.

Obviamente que var_dump($array) é só um exemplo simples, você também poderá olhar "dentro" de objetos. Sem contar que, quando o script PHP lançar uma erro o x-debug exibirá o traceback completo.

O site Oficial é xdebug.org.

Debian (wheezy)

Primeiro é preciso fazer o download.

Mas como saber qual a versão correta para o seus sistema?

Aí entra o "pulo do gato". O site do x-debug disponibiliza uma página onde você encontrará uma caixa de texto grande. Nela você deve inserir o conteúdo de seu phpinfo(), isso mesmo! Maluco né ? Vou explicar melhor...

Crie um arquivo denominado info.php e salve no documentroot /var/www/. Insira no arquivo o seguinte conteúdo:

<?php echo phpinfo(); ?>

Agora abra no navegador a URL http://localhost/info.php, você deve estar vendo uma página com informações da instalação de seu PHP.

Copie todo o conteúdo desta página, acione CTRL + A e depois copie.

Vá até a página do x-debug e cole a informação dentro daquela caixa de texto.

Clique no botão "Analyse my phpinfo() output" e bingo! A página seguinte será o passo a passo para instalação do x-debug (personalizado para sua máquina). Inclusive com o link para o download da versão correta do x-debug.

Para você ter um idéia do resultado, eu vou lhe mostrar o guia para a minha máquina:

Dica: como você terá que executar o phpize, instale antes essas pacotes apt-get install php5-dev php-pear.

No meu caso, a versão é 2.3.0, você precisa seguir o que foi dito acima para descobrir qual o seu link.

Download xdebug-2.3.0.tgz

Descompactar.

tar -xvzf xdebug-2.3.0.tgz

Entre na pasta.

cd xdebug-2.3.0

Execute o phpize, você verá algo próximo a isso:

Configuring for:
...
Zend Module Api No:      20100525
Zend Extension Api No:   220100525

Dica: quanto você executa o phpize no seu terminal você ver´a uma numeração conforme exemplo acima. O seu número deve ser idêntico ao mostrado pelo página "wizard" do x-debu. Se for diferente, atualize o phpize, como? Como root execute apt-get install php7.0-dev.

Caso os números estahem corretos continuamos com a compilação, execute...

./configure
make

Copie o módulo

cp modules/xdebug.so /usr/lib/php5/20100525

Atualize seu arquivo php.ini, eu utilizo o editor "nano", então...

nano /etc/php5/apache2/php.ini

Acrescente esta linha ao arquivo.

zend_extension = /usr/lib/php5/20100525/xdebug.so

Aproveite para habilitar o c-debug para o terminal, então repita o passo anterior mas neste arquivo...

nano /etc/php5/cli/php.ini

Reinicie o servidor web (apache)

/etc/init.d/apache2 restart

Ubuntu 15.4 (Vivid Vervet)

Brother, eu fui pelo Software Center, sem sofrimentos!

Para conferir a instalação execute o comando abaixo.

php -v

Sua tela deve ser algo semelhante ao exibido abaixo.

PHP 5.6.4-4ubuntu6 (cli) (built: Apr 17 2015 15:47:51) 
Copyright (c) 1997-2014 The PHP Group
Zend Engine v2.6.0, Copyright (c) 1998-2014 Zend Technologies
    with Zend OPcache v7.0.4-dev, Copyright (c) 1999-2014, by Zend Technologies
    with Xdebug v2.2.6, Copyright (c) 2002-2014, by Derick Rethans

A última linha indica que o xdebug foi instalado.

Ubuntu (versões antigas)

Dica: talvez seja muito mais fácil instalar pelo Software-Center, caso não consiga...

Instale os seguintes pacotes:

# apt-get install php5-dev php-pear

Com o PECL (pear) pode-se instalar novos pacotes no estilo apt-get, instale o x-debug:

# pecl install xdebug

Onde será que o Linux gravou a extensão x-debug? Digite e anote o caminho:

# find / -name 'xdebug.so' 2> /dev/null

Agora, precisamos dizer ao PHP que o x-debug existe. Par tal, é preciso incluir um linha no final do arquivo php.ini.

Abra o php.ini:

# nano /etc/php5/php.ini

No final do arquivo ou no fim da seção "extensões" inclua a seguinte linha:

zend_extension = caminho_anotado

Reinicie o apache

# /etc/init.d/apache2 restart

Fedora

Apache e o PHP devem estar instalados.

Execute o comando abaixo e reinicie o apache

# yum install php-pecl-xdebug

Comentários

comments powered by Disqus